Postagens populares

Massacre de Lisboa de 1506: Uma Crueldade Ausente Em Livros de História

05/03/2017

Você já ouviu falar do Massacre de Lisboa de 1506? Poucos historiadores fazem lhe referência, mas o episódio anterior a Inquisição, mostra mais uma vez crueldades ligadas a intolerância religiosa.. Dessa vez, uma perseguição a judeus com promessa até mesmo de absolvição de pecados e 3000 mortos como consequência. Conheça os diversos lados dessa história e as belas respostas de Portugal a essa mancha em sua história...





Após a expulsão dos judeus da Espanha em 1492, D. Manuel I mostrou tolerância ao abrigar cerca de 93 mil judeus refugiados. Por outro lado, foi levado com forte pressão espanhola, a obrigar judeus a converterem-se ao catolicismo se não desejassem a tortura e morte em praça pública...
Em Lisboa, Convento de S. Domingos, 19 de Abril de 1506, domingo de Pascoela cristã, se iniciou um episódio. Todos faziam suas preces para que as terras de Portugal se livrassem do forte surto de Peste Negra. No altar diz-se, um fiel visualizou Jesus Cristo e assim todos viram a aparição como um sinal de que suas preces estavam sendo ouvidas. Quando um dos presentes questionou a natureza divina da aparição, um novo cristão que seria mesmo assim eternamente visto como judeu, como uma ilusão causada pelas luzes, este foi perseguido pela multidão de fiéis e queimado.
Assim se iniciaria o massacre.
Frades fizeram discursos antissemitas ao redor da fogueira e anunciaram o fim da heresia com a perseguição a tais hereges. Foram três dias de massacre contra judeus que eram vistos como causas de desgraça para a população, frades dominicanos incitaram o massacre dizendo que haveria absolvição dos pecados dos últimos 100 dias a quem ajudasse a eliminar os ''hereges''. Pessoas de outras terras decidiram participar da absolvição e dessa forma viria a morrer estima-se, aproximadamente 4000 judeus
 D. Manuel I condenou o massacre, penalizou os envolvidos com confiscamento de bens e os dominicanos envolvidos foram enforcados.


''Esse massacre é lembrado hoje por um monumento construído no Largo de São Domingos em homenagem ao Judaísmo, o qual foi inaugurado em 23 de Abril de 2008. O local é um tradicional ponto de encontro de estrangeiros, principalmente africanos, havendo ali ainda outro monumento em homenagem ao Catolicismo, e um muro onde a frase "Lisboa, cidade da Tolerância" está escrita em 34 línguas.'' - Apoio escolar online

alt
 fotografia:Fotolia


Há controvérsias acerca do Massacre de Lisboa, há quem especule que ele nunca tenha vindo a existir e que não houve intolerância religiosa, mas sim, havia uma epidemia de peste negra e os corpos dos que morriam dessa forma eram incinerados. Realmente houve tal surto na época, e a própria narrativa do massacre cita isso. Mas não há como saber o que é real ou não. Os fatos narrados como Massacre de Lisboa de 1506, foram primeiramente transmitidos por Damião de Góis, que no ocorrido teria quatro anos e veio narrar após 60 anos do ocorrido. O fato é que, tenha ocorrido ou não, tendo ele ouvido a história verdadeira ou uma visão diferente dos fatos reais, sempre houve intolerância religiosa. Independente dos dados transmitidos sobre o massacre, religião sempre foi – e é – um dos maiores motivos de violência no mundo.




Fontes:

 Nunca existiu um massacre de judeus- Mito e Realidade
Comentários acerca do post acima e as diversas visões acerca dele
Apoio escolar online
Wikipédia

* Devemos buscar ver os diversos lados e formar uma opinião própria acerca deles. Esse post por exemplo me trouxe diversas versões e opiniões... Tentei contar com imparcialidade porém não é fácil, mil desculpas se talvez não tenha ficado imparcial. A opinião é sua... Apenas quero e é o que amo, mostrar as diferentes paisagens que vemos através de uma mesma janela. E os detalhes da paisagem que derivam de tempos passados... *


 O que dizem acerca do Massacre? 
Beijos de alecrim – ou sabedoria na vida.

/>

Nenhum comentário

Postar um comentário

Sintam-se a vontade. ♥
Siga o blog também no:

Facebook
Twitter
We Heart It
Instagram

ADS

 
Desenvolvido por Michelly Melo.